Clareamento dentário: possibilidades e resultados.

image

A exigência estética atual colocou no “hall” dos tratamentos odontológicos mais executados, uma forma relativamente recente de alvejar o dente, o clareamento dentário através do peroxido de hidrogenio.
Em variadas concentrações, ele pode ser utizado com uma moldeira, necessitando de um tempo razoável em contato com os dentes, o qual surte um bom resultado, porém está  relacionado com a tecnica que mais propicia sensibilidade e queimaduras gengivais, atuando de forma parcial, geralmente incorrendo em um degrade de tonalidade, devido à limitação da técnica.
No consultório é possível se ter maior previsibilidade e controle no tom alcançado e quando é estimulado pela luz, aumenta sua capacidade de interação.
Porém existe um equívoco na técnica de consultório mais utilizada, com tecnologia LED, em que muitos insistem em chamar de LASER, pois o laser desta técnica não compartilha do estímulo do peroxido, porque ela atravessa o dente e vai irritar a polpa, trazendo sensibilidade e tonalidade que puxam o tom gelo, perpetuando nos dentes um leve acinzentamento. Atualmente a melhor forma de clarear os dentes, é através da técnica Foto fenton, que desbota as tonalidades, permitindo que haja uma maior ação nas cadeias carbonicas, que trazem as pigmentacoes endogenas de difícil reversão.
A manutenção exige cuidado com os choques termicos, pois são eles que de fato mudam a cor dos dentes. Quanto aos pigmentos, geralmente tão execrados, a manutenção é muito simples e realizada com jato de bicarbonato.

Posted from WordPress for Android

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s